ieira


Inicial         |         Institucional         |         Equipe         |         Agendamento       |         Fale Conosco         |         Notícias


Campinas,  de 2018

CIS-Guanabara abre inscrições

para Oficina de Boneca de Pano

Atividade integra o programa que beneficia crianças

portadoras de doenças crônicas e idosos com Mal de Alzheimer  

 

O CIS-Guanabara promove a partir do dia 23 de março (sexta-feira) a oficina “À Flor da Pele”. Trata-se de um trabalho que culminará ao final das atividades com a produção de bonecas de pano cujo público alvo são crianças internadas no Hospital de Clínicas da Unicamp, portadoras de doenças crônicas, e idosos, com Mal de Alzheimer. O programa, criado em São José dos Campos pela artista plástica Terezinha Beviláqua, vem sendo realizado em algumas cidades brasileiras. Em Campinas, a responsável pela oficina é Vânia Furlan, servidora do NICS, da Unicamp, que percebeu nessa atividade uma maneira de auxiliar pessoas que passam por problemas delicados relacionados à saúde. A oficina tem a coordenação da produtora cultural do CIS-Guanabara Maria Aparecida Vaz Bueno. As inscrições para essa atividade começam na próxima segunda-feira.

Serão 14 encontros em que os participantes produzirão até sete modelos de bonecas cujo bordado imprime identidade própria ao produto. Cada boneca é uma espécie de protagonista de uma história criada por Terezinha Beviláqua, que estará no CIS-Guanabara na aula inaugural da oficina. “Não basta bordar, costurar, enfim, produzir a boneca”, lembra Vânia Furlan. “Cada aluno deve conhecer a história da boneca, compreender o processo e estar consciente de que o destino do produto final é uma criança ou um idoso desconhecido, portador de uma doença crônica. O Programa ´À Flor da Pele` não permite que a boneca produzida seja feita para filho ou neto do aluno. Isso descaracterizaria totalmente a iniciativa”, afirma.

 

Cada boneca tem um bordado próprio que imprime identidade ao brinquedo

O programa conta com equipes com atribuições específicas. O grupo que produz as bonecas não é o mesmo que faz a entrega às crianças ou idosos. Há uma equipe com conhecimento na área de teatro que realiza uma performance no ato da entrega, uma espécie de interpretação da história a qual pertence a boneca. A criança que ganha o brinquedo dá um nome à boneca que acaba recebendo um certificado, uma espécie de ‘certidão de nascimento’. No certificado devem constar o nome da boneca e o nome do aluno que a produziu.

Filha de bordadeira, Vânia despertou para essa atividade somente em 2014 quando participou do Plano Pré-Aposentadoria (PPA) da Diretoria Geral de Recursos Humanos (DGRH), da Unicamp. “Percebi que poderia ajudar as pessoas por meio de uma ação que mescla carinho e arte”. Vânia oferece semestralmente oficinas de bordado que integram a grade curricular do Programa UniversIDADE, iniciativa da Unicamp trabalha com pessoas da terceira idade.

Serviço

·         Datas:

·         23 (março), 06, 13, 20 e 27 (abril), 04, 11, 18 e 25 (maio), 01, 08, 15, 22 e 29 (junho). Sempre às sextas-feiras.

·         Horário: das 14h00 às 16h00

·         Local: CIS-Guanabara - Rua Mário Siqueira, 829, Botafogo. Telefone: 3231-6369 - Estacionamento gratuito no local

·         Vagas limitadas: 20 participantes

·         Público: jovens e adultos

·         Inscrições aqui

 

Melhor visualizado com resolução 1280X1024

© 2018 - Cis Guanabara / Preac / Unicamp